domingo, 20 de julho de 2008

Dicas de "quebra gelo" e dinâmicas para a sala de aula

1. Para mostrar o que ocorre numa vida sem Deus.

Você e os alunos vão precisar de folhas de papel sulfite (rascunho ou em branco).
Comece pedindo para que todos balancem a folha no alto, provocando barulho semelhante ao de chuva.
Fiquem assim por alguns minutos, e vá explicando que é assim que Deus nos fez, cheios de vida, com muito potencial, força, alegria para transformar o mundo e "fazer muito barulho" !
Depois, peça para que todos comecem a amassar o papel, sem rasgar, mas até deixa-lo como uma bolinha. Isso deve ocorrer à medida que você vai citando problemas e dificuldades na vida do ser humano.
Diga, por exemplo, que "este ser cheio de vida, criado por Deus, o deixa de lado e começa a sofrer influência das más amizades, das drogas, dos problemas com a família... vai ficando pequeno, diminuído, cheio de complexos e amargura no coração. Até que..."
Neste momento, vocês devem desamassar a folha, sem rasgar. Todos devem balança-la no alto novamente, e o efeito de chuva inicial, não vai mais ocorrer. O desfecho: isso é o que acontece quando se está longe de Deus. A pessoa perde o brilho, o potencial, a força e não faz mais "aquele barulho" para o qual Deus nos criou.

2. Aprendendo a amar o próximo (1)É sempre mais fácil ver os defeitos e não a qualidade dos outros. Esta dinâmica tem o objetivo de ensinar isso aos alunos e ajuda-los a praticar o amor, enxergando também as coisas boas daqueles que estão à sua volta.
Peça para que, sentados em círculo, cada um fale pelo menos cinco qualidades daquele que está sentado à sua direita.

3. Aprendendo a amar o próximo (2)Esta dinâmica tem o objetivo de ensinar ao aluno que precisamos aprender a conviver com as diferenças, e deverá ser feita em duas aulas.
Na primeira, você irá pedir para que cada um fale em voz alta a fruta que menos gosta. Você verá como todos ficam impressionados ao ver as diferenças de gosto, o que é o melhor para um, é o pior para o outro.
Quando todos tiverem falado, você avisa que na próxima aula, cada um deverá levar a fruta que o amigo da direita menos gosta. Nesse dia, vocês farão uma mesa especial, com todas as frutas, e cada um irá comer à vontade, mostrando que as nossas diferenças também são importantes e nem sempre são ruins.

2 comentários:

bi_amarcelino@hotmail.com disse...

nossa isso foi mtooo legal em

Camila Marx disse...

Gostei...precisamos d mais...rs..bjos!