quinta-feira, 29 de maio de 2008

JOGO DAS CORES

Copinhos descartáveis (para confeccionar o urso);
Cartolina de várias cores (para a trilha);
Um dado de coresCada participante é representado por um ursinho, conforme o desenho abaixo. A cada rodada o dado é jogado, a criança na qual a casinha da frente for a da cor sorteada coloca seu ursinho na casinha. Ganha quem chegar primeiro ao fim da trilha.

quinta-feira, 22 de maio de 2008

História Bíblica



À bordo da Arca de Noé

Os animais da floresta estavam muito agitados! Pássaros voando, cantando e, por entre as grandes árvores, iam espalhando as novidades.
A novidade mais importante daquele dia era extraordinária: - Piu,piu,fiu,fiu, atenção animais! Um velho de longas barbas brancas chamado Noé, está construindo uma enorme arca para flutuar sobre as águas, espalhavam a todos da floresta.
- Ih! Ih! Será verdade? Perguntou o macaco.
- Ora se éééé, respondeu o carneiro. Tão certo como três mais dois são cinco!
- Seu macaco, por um acaso o senhor está achando que eu sou uma ave mentirosa? Perguntou a gaivota.
O macaco disse:
- Mas aqui na floresta onde é que poderá flutuar uma arca? Isso é lá possível? Ela nunca encontrará tanta água para mantê-la suspensa.
O rinoceronte abriu o bocão e, após dar um enorme bocejo, concordou com o macaco, mas depois se retirou: - sabe gente, eu tenho mais o que fazer, vou tomar um banhinho lá no rio, tchau!
Curupááácoo!! Todos tomaram um grande susto. Era o papagaio tagarela.
- Fiquem sabendo que Deus disse a Noé: “Farei cair uma grade e demorada chuva sobre a Terra”, gritou.
- Haverá, sim, uma imensa inundação – um dilúvio universal, completou a arara azul, amiga do papagaio.
- Isso não é possível! Rugiu o tigre. É um absurdo! Nunca se viu uma coisa dessas.
- Dizem que Noé está escolhendo um casal de cada espécie de bicho para esconder da chuva em sua arca, disse o tagarela do papagaio.
- Quem é que há de gostar de viver preso dentro de uma arca? roncou o hipopótamo. Isso é um suplício, eu não agüentaria viver assim...
Enquanto os bichos discutiam, o bicho-preguiça pedia silêncio, pois queria dormir.
- Que iríamos nós comer na arca durante os 40 dias e 40 noites que, dizem, vai durar a chuvarada? Perguntaram os jabutis. - Que iríamos comer? Muita coisa, respondeu a anta. Sabemos que Noé e seus três filhos estão guardando alimento para todos esses dias. Já armazenaram muitos grãos e sementes, frutas, mel, capim, carne e peixes frescos... enfim, comida variada e abundante para todas as espécies de animais...
Os elefantes brincavam atirando para o alto, com suas trombas, a água das poças. Mal ouviram a novidade, abandonaram a brincadeira e lá se foram trotando pesadamente em busca da arca.
- Capim macio! Trombeteavam, oh, que gostosura!
E, juntando-se à parada de animais, marcharam em direção à arca, com alegria. Afinal, chegaram os animais à arca. Que multidão!
Enquanto subiam para dentro dela, Noé, ao lado da grande porta aberta, permanecia atento, observando-os um por um.
Dava-lhes as boas-vindas e ia conferindo, por uma comprida lista, cada casal para ter a certeza de não faltar nenhum.
Era um trabalho cansativo, mas indispensável, pois todo tipo de animal, de toda espécie, um macho e uma fêmea, deveria embarcar na arca. Onde estão as cotias? Perguntou Noé. Ninguém sabia delas.
E agora, amiguinhos? O que Noé vai fazer?

Beijos









À bordo da Arca de Noé

Os animais da floresta estavam muito agitados! Pássaros voando, cantando e, por entre as grandes árvores, iam espalhando as novidades.
A novidade mais importante daquele dia era extraordinária: - Piu,piu,fiu,fiu, atenção animais! Um velho de longas barbas brancas chamado Noé, está construindo uma enorme arca para flutuar sobre as águas, espalhavam a todos da floresta.
- Ih! Ih! Será verdade? Perguntou o macaco.
- Ora se éééé, respondeu o carneiro. Tão certo como três mais dois são cinco!
- Seu macaco, por um acaso o senhor está achando que eu sou uma ave mentirosa? Perguntou a gaivota.
O macaco disse:
- Mas aqui na floresta onde é que poderá flutuar uma arca? Isso é lá possível? Ela nunca encontrará tanta água para mantê-la suspensa.
O rinoceronte abriu o bocão e, após dar um enorme bocejo, concordou com o macaco, mas depois se retirou: - sabe gente, eu tenho mais o que fazer, vou tomar um banhinho lá no rio, tchau!
Curupááácoo!! Todos tomaram um grande susto. Era o papagaio tagarela.
- Fiquem sabendo que Deus disse a Noé: “Farei cair uma grade e demorada chuva sobre a Terra”, gritou.
- Haverá, sim, uma imensa inundação – um dilúvio universal, completou a arara azul, amiga do papagaio.
- Isso não é possível! Rugiu o tigre. É um absurdo! Nunca se viu uma coisa dessas.
- Dizem que Noé está escolhendo um casal de cada espécie de bicho para esconder da chuva em sua arca, disse o tagarela do papagaio.
- Quem é que há de gostar de viver preso dentro de uma arca? roncou o hipopótamo. Isso é um suplício, eu não agüentaria viver assim...
Enquanto os bichos discutiam, o bicho-preguiça pedia silêncio, pois queria dormir.
- Que iríamos nós comer na arca durante os 40 dias e 40 noites que, dizem, vai durar a chuvarada? Perguntaram os jabutis. - Que iríamos comer? Muita coisa, respondeu a anta. Sabemos que Noé e seus três filhos estão guardando alimento para todos esses dias. Já armazenaram muitos grãos e sementes, frutas, mel, capim, carne e peixes frescos... enfim, comida variada e abundante para todas as espécies de animais...
Os elefantes brincavam atirando para o alto, com suas trombas, a água das poças. Mal ouviram a novidade, abandonaram a brincadeira e lá se foram trotando pesadamente em busca da arca.
- Capim macio! Trombeteavam, oh, que gostosura!
E, juntando-se à parada de animais, marcharam em direção à arca, com alegria. Afinal, chegaram os animais à arca. Que multidão!
Enquanto subiam para dentro dela, Noé, ao lado da grande porta aberta, permanecia atento, observando-os um por um.
Dava-lhes as boas-vindas e ia conferindo, por uma comprida lista, cada casal para ter a certeza de não faltar nenhum.
Era um trabalho cansativo, mas indispensável, pois todo tipo de animal, de toda espécie, um macho e uma fêmea, deveria embarcar na arca. Onde estão as cotias? Perguntou Noé. Ninguém sabia delas.
E agora, amiguinhos? O que Noé vai fazer?
Colaboração: Tio Walmyr Santos (texto adaptado do livro “Horas Felizes com Walt Disney”- Ed. Melhoramentos – 1968 )
Não perca a continuação da história de Noé na próxima Ovelhinha
Beijos da tia
Graça Maria




























Sugestões para o Dia do Pastor

















"Peça das Frutas"




Pastor ............ ... , sei que o Sr. deve estar pensando o que eu posso fazer com uma cesta vazia? Ela está vazia mais nós pedimos ao Senhor que Ele a encha com boa medida,Recalcada, sacudida e transbordante em sua vida, neste dia tão especial que é o seu aniversário.BANANA: Que lindas bananas e agora o que será?Tenho certeza que fizeste esta pergunta, pois elas significam bênçãos do Senhor que Ele tem te dado, dia após dia.
Pastor Ele vê o teu sofrer, mais esta é a prova que Ele nunca esquece de você. Pare e pense quantas bênçãos do Senhor ganhaste no decorrer deste ano. "Porque eis que será abençoado, o homem que teme ao Senhor."




MELANCIA: Ela é grande!!! Pesada!!! e Deliciosa!!!Ela tem muita água, ela significa o peso que carrega nos ombros.Água, são as lágrimas que tem derramado por nós nas madrugadas, muitas vezes sem palavras, somente gemidos.Obrigado Pastor, porque Deus tem ouvido a tua oração, e tem visto as suas lágrimas.




LIMÃO: Xiiii....... esta fruta é azeda e significa as aflições que tens passado durante este ano, e é nesta hora que Deus lhe coloca na posição de ajudador e lhe diz:" Não temas porque eu te chamei pelo teu nome, e tu és meu, quando passares pelos rios, eles não te submergirão, quando passares pelo fogo, não te queimaras e nem a chama arderá em ti."




UVA: esta fruta é muito linda, parece rubis e esmeraldas, dependendo da qualidade ela é doce ou azeda, verdes ou vermelhas.
Isto demonstra que nem todas as pessoas são iguais, cada um, com o seu talento. A uva representa o sangue de Jesus Cristo derramado lá na cruz. Assim como tu Pastor, tem derramado muitas lágrimas, Cristo também derramou seu sangue lá na cruz do calvário e tenha certeza Deus te dará VITÓRIA.




MAMÃO: Que linda fruta é esta!! Ganhaste esta fruta, porque dentro dela existe muitas sementes, que simbolizam, todas as almas que tu ganhaste durante este ano, estas almas foram os melhores presentes que tu podias ganhar, porque sem duvida o que semeaste com lágrimas, colheste com alegria...




LARANJA: Além de gostosa é uma fruta que tem muita vitamina C.Pastor elas significam o cuidado que o senhor tem para com a igreja que Deus lhe confiou. A vitamina previne doenças e deixa o corpo saudável. Assim Pastor ....... é a tua igreja, pois aqui não falta a vitamina que é a palavra de Deus...




ABACAXI: Esta é uma fruta muito saborosa, porem se não tomar cuidado pode machucar.Esta fruta significa todos os problemas que surgiram neste ano, mas tu foste forte e sábio para resolvê-los.
Porque tu estás sempre buscando ao Senhor, pelas madrugadas, pelas manhãs, a qualquer hora do dia, o senhor está buscando a Deus sempre lhe pedindo sabedoria... dos céus...Pastor .........: Neste ano que se passou, tu foste mais que um amigo, foste um pai, companheiro, irmão, amoroso, compreensível.
Com lutas e problemas; não deixou se abater e é por isso que estamos aqui neste dia tão especial para lhe agradecer por tudo. "Por isso, guarda o que tens para que ninguém tome a tua coroa".


O JARDIM DO PASTOR



Pastor olhe seu jardim!
Como está florido! ....Tem flores de toda espécie; umas pequenas, outras médias, outras grandes; uma às vezes tão mirradas que até pensam que não fazem diferença a sua presença ou não nesse jardim; outras são viçosas, crescem rápido e se desenvolvem, porém são como urtigas que estão sempre incomodando e chamando a atenção; outras são como as rosas, belas e perfumadas, mas por sua vez têm espinhos agudos que às vezes machucam e até ferem e te levam a correr a um outro jardim, o jardim que Jesus sempre usou, o jardim da oração.
Nos momentos mais importantes do seu ministério, Jesus buscou forças recorrendo a este jardim... E foi bem sucedido. Pastor, você é o jardineiro a quem Deus confiou esse jardim! Por isso louvamos ao Senhor! Pastor, como cresceu o seu jardim! Você recebeu apenas algumas mudas, cuidou delas e as levou a crescer e a produzirem novas mudas.
Você como jardineiro, às vezes tem que podar algumas árvores e nem sempre é compreendido; há quem queira cobrar seus cuidados para com esse jardim.
Às vezes para você se torna difícil, mas não impossível, porque existe outro Jardineiro que está sempre ao seu lado, esperando em Seu jardim para que você lhe conte as alegrias e tristezas que as suas flores lhe têm dado e causado.
O Jardineiro Supremo te renova as forças, tira as mágoas e as dores, para que você possa continuar a cuidar do seu jardim.
E vocês, família do pastor, também fazem parte dessa jardinagem e assim como ele, muitas vezes são feridos pelos espinhos das flores, porém o Jardineiro Invisível vem e cicatriza os ferimentos renovando as forças para continuarem unidos e lutando por esse jardim.
Pastor louvamos ao Senhor por ser você o nosso jardineiro e rogamos ao Senhor do Jardim, que continue te sustentando e fortalecendo para continuar cuidando desse jardim e de outros que com certeza virão. Te amamos muito!




NOTÍCIA ESPECIAL




4 vozes femininas e 4 masculinas1 FEM. - Atenção, atenção, senhoras e senhores,2 MASC. - adolescentes, crianças, moças e rapazes!TODOS - Temos para todos uma notícia muito importante,V. FEMININAS - mas não queremos, neste instante, falar o mesmo que a TV.3 MASC. - Não pretendemos anunciar uma recente descoberta4 FEM. - nos laboratórios científicos dos Estados Unidos...1 MASC. e 2 FEM. - Não comentaremos a subida do dólar3 FEM. - nem as guerras do Oriente Médio.V. MASCULINAS - A nossa é uma noticia simples, mas que nos enche de felicidade!TODOS - Hoje é o dia do Pastor!!!3 MASC. e 4 FEM. - dia que comemoramos nas igrejas da cidade e também do interior.4 MASC. - E, com sincera alegria, rogamos agora a DeusV. FEMININAS - que os céus o cubram de bênçãos neste seu dia.1 MASC. - É o desejo de toda a nossa igreja.2 FEM. - Desde a menor criancinha, os rapazes e as velhinhas,1 FEM. e 3 MASC. - pois, na verdade, o senhor tem sido um amigo da gente,4 FEM. - ouvindo e orientando quando temos dificuldades2 MASC. - ou sorrindo conosco em tempo de felicidade.. .1 FEM - Por tudo isto a nossa notícia é bem mais especial.3 MASC. - Mais bonita e mais interessanteV. FEMININAS - do que uma viagem de ônibus espacial.V. MASCULINAS - Parabéns, pastor, pela data que hoje comemoramos!4 MASC. e 1 FEM. - E por que muito o amamos,2 FEM. - A Deus queremos agradecer3 MASC. - por tê-lo escolhido para a nossa igreja.4 FEM. - E, agora, muito contentes, ainda temos a dizer:V. FEMININAS - No dia de sua festa, nós é que temos o presente,2 MASC. - o presente de tê-lo entre nós.TODOS - Felicidade, pastor! Muitas felicidades!










Sugestão para comemorar o Dia do Pastor
Elabore uma programação especial, constando de cânticos, poesias, acrósticos, mensagem, narração de fatos da vida do pastor e sua família; ofereça-lhes, ao final, uma lembrança carinhosa, que pode ser, para o pastor e família uma bela cesta com frutas e doces, e para a esposa um bonito ramalhete de flores.
Mensagem especial - Convide uma sócia ou outra pessoa para trazer uma palavra especial pelo Dia do Pastor. Textos sugeridos:Jeremias 3.15 - "Dar-vos-ei pastores segundo o meu coração, que vos apascentem com conhecimento e com inteligência".
Hebreus 3.17 - "Obedecei aos vossos guias e sede submissos para com eles; pois velam por vossa alma, como quem deve prestar contas, para que façam isto com alegria e não gemendo; porque isto não aproveita a vós outros".
Painel histórico - Com antecedência, consiga com a esposa do pastor (sem que ele saiba) fotos e fatos interessantes de vários períodos de sua vida e de seu ministério: infância, mocidade, tempo de Seminário, ordenação, namoro, casamento, filhos, seu "hobby", a 1ª Igreja, batismos e casamentos que realizou, comemorações na Igreja, etc. Designe algumas irmãs para falarem a respeito destes fatos. As fotos com as legendas explicativas serão fixadas nas paredes do salão.
. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
Pastor
Vejo em você, PastorUma pessoa diferente,Uma vida que nos inspira,Que nos encoraja a fé,Que nos traz esperança,Que nos leva a olharPara o futuro distanteE pressentir glórias inefáveis.Nós reconhecemos, Pastor,O quanto a nossa vidaDepende da sua vida.
O vaso precioso que você éNas mãos do Senhor,A conduzir-nosPelo caminho da verdade.Por isso, em data tão significativa,Com o respeito e a admiraçãoQue você sempre mereceu,Trazemos-lhe, de todo o coração,Esta palavra sincera,Um abraço amigoE o nosso "Muito Obrigado"!

terça-feira, 13 de maio de 2008

Geração Samuel Ministério de Gideões Mirins



A Geração de Samuel - Ministério de Gideões Mirins consagra a primeira turma de crianças como gideãs de oração na Lagoinha. Confira...Coragem, verdade e amor é o lema do Ministério dos Gideões Mirins que consagrou no domingo (27/04), a primeira turma de gideões de oração mirins na Lagoinha.


A formatura dos pequenos foi realizada durante o culto das crianças e juniores, no Tabernáculo, e contou com a presença dos pais, familiares e líderes das crianças. Uma manhã cheia de palavras abençoadas, apresentações de dança, canto e recitações de versículos.


O acontecimento sela o início do que chamamos de um mover espiritual por meio da vida dos pequenos. A partir de então, as crianças consagradas passarão a orar todos os dias, por 15 min, em prol de tantas outras ao redor do mundo, e ainda, por questões diversas.


A vontade de treinar crianças, como gideãs, surgiu no Ministério Gideões 24h Diante do Senhor que já havia iniciado com a idéia de oração ininterrupta, porém era voltada somente para adultos. Nasceu então a vontade de fazer com que crianças pudessem exercer seus papéis como agentes transformadores da sociedade por meio das orações, considerando que não é necessário que elas se tornem adultas para tal. Assim resume a psicóloga, pastora e líder dos Gideões Mirins, Susie Valadão: “Tudo começou no Ministério dos Gideões 24h Diante do Senhor, quando os pais iam orar e seus filhos pediam para acompanhá-los. Quem somos nós para barrar uma criança que deseja orar.


Infelizmente temos crianças que são barradas pelos pais. Pais que não se importam com os filhos e se preocupam tanto com suas vidas particulares que o investimento com os filhos tem sido o mínimo. Além disso a igreja tinha uma filosofia de que uma criança precisava virar adulta para então realizar a obra de Deus, mas temos visto que o diabo não tem respeitado o tempo de crescimento na vida do ser humano. Ele tem embarcado com todos os valores e conceitos mundanos na vida das crianças. E por que não a igreja investir nelas? É preciso acreditar no potencial delas.


Deus pode usá-las. Não é necessário que cresçam para que façam a obra de Deus. Elas podem levar o colega de escola à Cristo, orar pelo pai que está doente, fazerem uma ação social e promoverem a mudança da sociedade. É nisso que acreditamos”. Susie que, durante a formatura, falou sobre a realidade em que vivem algumas crianças ao redor do mundo, explicou também sobre como funciona o trabalho desenvolvido com as crianças:“Já começamos em outubro com a formação de conselheiros, e já temos mais de quarenta conselheiros em mais de 10 cidades de Minas Gerais.


Já começamos outros cursos de Gideões Mirins. Já ungimos gideões em Guarapari (ES) e Governador Valadares (MG) e ungiremos em Vitória (MG), entre outras cidades. As crianças oram 15 minutos em casa, para não terem que se deslocar à nenhuma torre, e no fim de semana se encontram com os conselheiros por uma hora, tendo momento de louvor, estudo da Palavra e oração. E uma vez por mês realizarão atividades 'extra-igreja', fazendo visitas a hospitais etc, e ainda promoveremos a ida a outras igrejas para dançarem, cantarem para outras crianças.


Temos ainda os eventos “maiores”, como acampamentos e encontros regionais.” O pastor e líder do Ministério de Crianças e Juniores, Wagner Corrêa, também falou sobre a importância de as crianças se tornarem homens e mulheres que têm vida de oração intensa: “É importante ver as orações das crianças. Elas são sinceras diante de Deus e verdadeiramente “rasgam o coração” na presença do Pai. Com o exército de crianças, somado às orações, veremos a transformação de nossa sociedade”, diz o pastor.


Satisfeita com o evento, que foi uma bênção e um sucesso, Susie deixa um recado para pais e filhos: “Quando eu mudo, tudo muda. Se os pais quiserem mudar a forma de educar seus filhos, e mostrarem para eles que a mudança pessoal é importante, nós podemos mudar o mundo. Podemos mudar a realidade da igreja e da próxima geração.


O desafio para os pais e crianças é promover uma mudança pessoal que gere a longo prazo uma mudança do ambiente em que estamos vivendo”. É importante que todos tenham a consciência do papel que as crianças têm dentro de nosso sistema social. Elas são a geração que promoverá a transformação do mundo.


É preciso valorizá-las e investir na educação delas. Os pais precisam estar atentos a tudo o que acontece no dia a dia dos filhos e perceber que são o referencial para eles, e o bom exemplo é a chave que abre a porta para a a conquista dos povos para Jesus. Então, invista. Faça de seu filho, um Gideão Mirim!Conheça um pouco mais o Gideões Mirins e aprenda como participar É um ministério que une crianças que amam a Jesus e tem um compromisso com sua igreja por meio da oração 24 horas. Crianças de todos os lugares estarão orando por motivos comuns e aprendendo verdades bíblicas em reuniões semanais com seus conselheiros.


Visando formar crianças com caráter cristão, que entendem os princípios bíblicos, cada tropa (assim se denominam os grupos de cada conselheiro), terá suas atividades sociais (de prestar socorro aos carentes, de ajudar outras crianças), lúdicas (que ocorrem em cada reunião e também nos acampamentos e eventos especiais) e espirituais (que são os momentos de oração individual e em grupo, momentos de impacto evangelístico, de estudo da palavra, etc...).


O Ministério faz parte do Ministério dos Gideões 24h Diante do Senhor. Como está inserido na mesma estrutura, funciona como tendo base os mesmos princípios para oração e adoração. É um Ministério que trará um novo ânimo às crianças e aqueles que querem se envolver com elas. O período de oração é diário, 15 min., e o encontro para as reuniões é semanal.


As atividades propostas são ricas e interessantes. Irão com certeza, permitir que cada pequenino tenha uma visão mais clara do Reino e seja motivado a seguir e se parecer com Jesus.Como meu filho pode participar?Para ser um Gideão Mirim é necessário:Entrar em contato com ele e saber quando começa as lições de iniciação.São quatro lições que deverão se feitas durante quatro finais de semana seguidos.


Depois de receber o certificado de conclusão delas, deverá adquirir o “kit básico” do Gideão Mirim. Marca-se a data para a consagração, dia em que será ungido para tomar lugar no posto de oração, como um guerreiro do exército de Cristo. Nesta data recebe-se o kit. Então ganhará um relógio (com o alarme programado no horário escolhido para orar).


Todos os dias que o alarme soar, a criança deve orar por 15 minutos, não importando onde estiver). Esta é a primeira missão.


Informações:Ministério Gideões MirinsRua Ipê, 304, São Cristóvão - Belo Horizonte (MG).Telefones: (31) 3421-2003 / 3421-2993.E-mail: susiedejesus@gmail.com.

Ser professor é ser privilegiado




“Ajuntai o povo, os homens, as mulheres, os meninos e o estrangeiro que está dentro da vossa cidade, para que ouçam, e aprendam, e temam o SENHOR, vosso Deus, e cuidem de cumprir todas as palavras desta lei; para que seus filhos que não a souberem ouçam e aprendam a temer o SENHOR, vosso Deus, todos os dias que viverdes sobre a terra à qual ides, passando o Jordão, para a possuir.” DT 31:12,13.


Salinha, cultinho, inho... nada me irrita mais do que estes termos, não pelo tom carinhoso, mas pelo desprezo que eles vem carregando durante os anos. Trabalhar com crianças é um ministério. Somos chamados, capacitados por Deus para tal. Já posso até imaginar seu pensamento: “_ Opa! Então estou fora, não tenho esse dom para ministrar às crianças!” Só que “Deus não chama os capacitados, mas capacita os chamados.” Se você é pai ou mãe, já foi chamado para este ministério, pois ele começa em seu lar. Se não, procure saber onde Deus lhe quer, qual é seu lugar no Corpo de Cristo. Estou torcendo para ser com as crianças, pois é muito frutífero!
O trabalho com crianças é um ministério específico de cuidado, de apascentar como disse o próprio Jesus quando se referia aos cordeiros, que são os filhotes de ovelhas. “Disse Jesus: Apascente os meus cordeiros” João 21:15. Os professores apascentadores de crianças se dedicam a ajudar aos pais a ensinarem seus filhotes no caminho em que devem andar, para quando crescerem não se desviarem dele. Segundo o dicionário de Aurélio, apascentar significa: doutrinar, ensinar, guiar, pastorear. Nutrir, alimentar, sustentar. Recrear, deleitar, entreter. Aurélio nos dá muitas opções com as crianças!
Nas classes bíblicas da igreja espera-se que as crianças aprendam verdades Bíblicas, e que sejam ensinadas de acordo com suas necessidades e características próprias da idade. Os pais são beneficiados através deste ministério, pois podem participar mais ativamente do culto, enquanto suas crianças aprendem em sua própria classe. Mas atenção! Não vamos confundir os papéis, aos pais cabe a responsabilidade de educar e ensinar a criança a andar nos caminhos do Senhor Jesus. “Estas palavras que, hoje, te ordeno estarão no teu coração; tu as inculcarás a teus filhos, e delas falarás assentado em tua casa, e andando pelo caminho, e ao deitar-te, e ao levantar-te” (DT 6:6, 7). “E vós, pais, não provoqueis vossos filhos à ira, mas criai-os na disciplina e na admoestação do Senhor” (EF 6:4).

A principal função do professor, é servir de modelo para seus alunos - seus discípulos, (Mateus 28: 19,20; Atos 1:8). Pois “o veículo do ensino mais poderoso, é a pessoa humana, que vive o que prega” (CECED). Se você está disposto a servir o Senhor neste ministério, então pode ser um apascentador de crianças, ou seja, pastorear os cordeiros (filhotes de ovelhas). As crianças precisam ter uma referência, por isto, o rodízio de professores não é benéfico. Cada classe precisa de alguém responsável, ou uma dupla, para cuidar e apascentar cada faixa etária, com suas características e necessidades específicas. Assim, estes obreiros serão os apascentadores destes pequeninos, cumprindo a ordem de Jesus em Jo 21.15.
O professor é um ajudador para os pais na tarefa da educação cristã, que é a mais importante de todas. Ensinar uma criança a andar nos caminhos do Deus verdadeiro deve ser prioridade na vida dos pais cristãos. Deve ser mais importante que carreira, status, estudo ou qualquer outra coisa. Nosso alvo deve ser: Criar a imagem de Jesus Cristo em nossas crianças, nossos discípulos.
A igreja que valoriza e respeita as crianças, demonstra isto através do espaço e investimento que dedica a elas. Envolva-as na igreja de Jesus Cristo antes que o mundo as envolva em seu sistema satânico.

Objetivos e propósitos
O principal objetivo do ministério com crianças é ensinar a Palavra de Deus, a Bíblia, tendo Jesus como ponto principal do seu ensino, visando a salvação e o crescimento espiritual do aluno, desde criança até adulto. Através deste ensino, transformar a vida da criança. Vida esta, que deve expressar no meio em que vive, a fim de levar Cristo a outros, visando o crescimento do Reino de Deus.
Tenho utilizado os seguintes alvos para o ministério com crianças:

Alvos para o ministério com crianças
-Que as crianças tenham uma experiência real e pessoal com seu amigo e salvador Jesus, dentro dos limites do seu desenvolvimento.

-Que o ambiente da escola bíblica seja cheio de atrativos. Um recanto alegre, seguro e divertido, onde aprendam fazendo, tendo assim, motivação para boa freqüência.

-Que as crianças aprendam a Palavra de Deus por princípios, enfatizando vida abundante e transformadora.

-Motivar a criança a assumir compromisso com o que aprendeu, aplicando isso em seu dia a dia, abrangente a todas as áreas de sua vida.

Resumindo: salvação, crescimento e serviço.


Estes são alvos que devemos perseguir sempre, em unidade, pensando no melhor para as crianças. Acrescente a estes alvos específicos de acordo com as necessidades e realidade de sua igreja. E se fizermos com amor, da melhor maneira possível, o senhor nosso Deus nos dará a devida recompensa. “Portanto meus amados irmãos, sede firmes, inabaláveis e sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que, no Senhor o vosso trabalho não é vão”. 1 Co 15.58.

Nossas igrejas devem ser motivadas a e investir no ministério com crianças, pois os resultados são eternos. É necessário que avaliemos nossas prioridades, nossos alvos , nossos métodos e nossos preconceitos. Precisamos começar nossa reflexão sobre a educação cristã infantil com base no ensino eficiente. Precisamos ver o bom - avaliá-lo e ver se não é possível melhorá-lo. Devemos fazer um exame minucioso em nosso processo didático de atividades e se necessário, mudanças, para que possamos alcançar nossas metas e nosso alvo principal: formar o caráter de Jesus nas crianças, nossos discípulos.

Para alcançarmos o propósito de ter uma escola bíblica com qualidade e unção, precisamos fortalecer os relacionamentos, trabalhando com simplicidade, caráter, unção, buscando capacitação contínua, transparência, criatividade, coragem e amor... Muito amor! Eis o desafio de todos nós, educadores, ministros da Palavra de Deus.

As dificuldades e desafios virão, com certeza! Diante delas é preciso humildade para reconhecer nossas limitações, e coragem para vencer obstáculos. O conflito é nossa matéria prima. Cabe-nos transformá-los em vitórias. É isto que nos ensinou o Mestre dos mestres. Ao longo do ministério de Jesus Cristo as pessoas o reconheciam como mestre, capaz de transformar água em vinho, tristezas em alegrias, doenças em glórias para Deus... Jesus passou a maior parte de seu ministério ensinando verdades espirituais e curando as pessoas de seus males. Quão grande privilégio é poder seguir os passos de nosso Senhor Jesus!

Ser mestre é seguir investindo no Reino de Deus, acreditando e valorizando as pessoas. Ser professor é ser modelo, exemplo de vida. É dedicar-se ao máximo no ensino. É ver a transformação que a Palavra de Deus efetua na vida das pessoas que a recebem, promovendo felicidade! Ser discipulador é amar as sagradas escrituras, assim como Esdras, dar-se por ela em amor ao próximo, para que o mundo veja que somos discípulos de Jesus. É se lançar como instrumento de Deus, para transformar as vidas de crianças, jovens e adultos.

Ser professor é ser privilegiado. A recompensa é certa! “Quem obedecer à lei e ensinar os outros a fazerem o mesmo será grande no Reino dos Céus”. Mt 5.9 (BLH).